Saiba os principais cuidados na contabilidade para importadoras e exportadoras

3 minutos para ler

O comércio exterior é uma ótima oportunidade para empresas que buscam se desenvolver e conquistar um espaço maior no mercado, no entanto, é importante realizar uma gestão eficiente para esse modelo de atuação. Nesse caso, contar com a contabilidade para importadoras e exportadoras é fundamental.

Isso porque é necessário entender os principais cuidados que devem ser tomados para evitar riscos, cuidar de toda a burocracia que envolve os processos, enfrentar os desafios que possam surgir no caminho e garantir a expansão do negócio de forma saudável.

Quer saber os principais pontos que precisam de atenção e, dessa forma, evitar surpresas desagradáveis no futuro? Acompanhe este conteúdo!

Legislação

Para operar por meio da importação e exportação, é imprescindível compreender as leis e normas que versem sobre esse tipo de operação. Por exemplo: ao fechar negócio com um determinado país, é necessário cumprir com as regras para evitar que a carga fique retida. Além disso, os documentos fiscais devem ser emitidos conforme os parâmetros internacionais.

Documentação

Não deixe de incluir na contabilidade qualquer documento que esteja ligado ao gerenciamento contábil da companhia, pois deixar de comprovar qualquer transação pode gerar as suspeitas de sonegação fiscal, provocando prejuízos irreversíveis. Por isso, é muito importante cuidar para que os registros estejam completos e adequados às exigências da legislação.

Tributação

Na legislação brasileira há uma tributação própria para as operações que ocorrem no comércio exterior. Em alguns casos de exportação, existem restituição parcial ou total e isenção em certos tributos. Contudo, é necessário estar por dentro de cada caso para entender quando essas regras se enquadram. Já na importação, recaem impostos como ICMS, IPI, II, PIS, COFINS e CIDE.

Custos e despesas

Conhecer o custo para a aquisição de um produto ou da matéria-prima necessária para a produção é fundamental para tornar as transações um negócio lucrativo.

Quando a empresa tem um controle eficaz dos custos e despesas, é possível realizar uma precificação adequada, que renda os lucros esperados. Essa é mais uma vantagem de contar com a contabilidade para importadoras e exportadoras.

Acordos de livre comércio

Em algumas situações, os processos se tornam menos burocráticos devido a acordos realizados entre países, com o intuito de priorizar a política comercial e econômica e aumentar a competitividade no mercado internacional. Por exemplo, o Mercado Comum do Sul (Mercosul), que abrange a importação e exportação de mercadorias entre o Brasil e demais países integrantes desse bloco econômico.

Penalidades

No caso da organização não cumprir todas as exigências prevista na legislação dos países que fazem parte da negociação, ela corre grandes riscos de sofrer penalidades, por exemplo, retenção e perdas de cargas, suspensão das transações posteriores, entre outros.

Conseguiu entender a importância da contabilidade para importadoras e exportadoras? Cuidar de todas as informações é fundamental para que a empresa não sofra penalidades fiscais que possam gerar prejuízos para o orçamento e operações. Contar com o apoio de um profissional qualificado e experiente no assunto vai contribuir para que todos os procedimentos sejam realizados em conformidade com a burocracia e legislação aplicável, reduzindo esses riscos.

Este conteúdo esclareceu suas dúvidas? Então, siga as nossas redes sociais e fique por dentro de todos os assuntos. Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário